Escrever sobre nós é um desafio e tanto… Cada palavra ou definição, parece quase nada.

Apontamos os feitos ou o feitio? As experiências ou as formações? Aquilo que nos consideramos bons ou as vulnerabilidades que insistimos em manter na sombra?

Poderia descrever o que gosto e o que não gosto e ainda assim seria como olhar o dedo que aponta o sol.

Já trabalhei e estudei de quase tudo. Tanto de gravata como pé descalço. Desafio-me constantemente a sair da zona do conforto e tenho vivido experiências generosas que vão do topo da montanha às profundezas do deserto. Ao explorar ali descubro-me aqui, caindo em mim encontro-o a si e através deste movimento na relação, entendo o nós.

Acredito que tudo aquilo a que me dedico interliga-se com tudo aquilo a que me dedico.

Que o impossível é resultado da incapacidade de ver o possível.
Quando não sei se algo é possível, tento. Se algo me parece impossível, experimento. Acredito que é possível materializar sonhos se nestes nos empenhamos bem acordados e com a ajuda de outros sonhadores.

Nos últimos sete anos passei a prestar um auxílio mais ativo no projecto Zen family. Trabalhando como terapeuta, professor lojista, assessor de comunicação, programador web, designer gráfico e editor de conteúdos. Tenho vindo a orientar o projecto essencialmente na sua essência, os bastidores, desenvolvendo a plataforma em termos de comunicação, imagem, gestão resiliente e sustentável que permitam que o projecto cresça sem desvirtuar. Aposto na qualidade e no brio, com que acredito, tudo deverá ser realizado. Qualidade na escrita, na imagem, no guiar, no cuidar,  nas relações interpessoais, com gosto, respeito e atenção.
Se alguém fala, escuto. Se alguém actua, assisto. Se alguém guia, acompanho. Se alguém lidera, oriento.Se alguém escuta, falo. Se alguém assiste, actuo. Se alguém acompanha, guio. Se alguém desorienta, lidero.

E desta forma cuidando, como um fiel jardineiro, realizo trabalho da mesma forma que respiro.

alQimia.org

saber mais

 

"Quando a consciência está em paz, o mundo também está em paz. Nada real, nada ausente.
Não se agarrando à realidade, não ficando preso na vacuidade, 
nem és santo ou sábio, apenas um sujeito comum que completou o seu trabalho." 
~Layman Pang-yun (740-808)

EXPERIÊNCIAS

Pichest-thai-massage-frontThai Massage com o Pichest

2013 ║ 210 horas ▒
Durante anos ouço falar do Mestre Pichest. Observava amigos terapeutas que iam até este para com ele aprender massagem tailandesa e regressavam transformados. Algo radical lhes acontecia. Punham em causa tudo o que tinham aprendido e praticado até então, percebiam que […]

capa-108-sunrises108 Sunrises

2013 ║ 54 horas ▒
Em 2013 resolvi assistir novamente ao nascer do sol por 108 dias consecutivos. Encontrava-me em viagem pelo Oriente. Comecei pela China, passando pela Coreia do Sul, Tailândia, Índia e conclui em Portugal. No fim juntei as imagens que poderás […]

capa-templo2013Templo Taoista – O Regresso

2013 ║ 1000 horas ▒

Em 2009 vivi por meio ano no Templo Taoista dos 5 imortais. Neste aprendi com os taoistas, meios de tranformação interior, por práticas que levam a uma alquimia interior. O mestre e todos os residentes tornaram-se família. Desde entao ficou-me presente que um dia haveria de voltar. […]

capa-100sunrises100 Sunrises
2011 ║ 50 horas ▒

Em 2011 resolvi assistir durante 100 dias consecutivos ao nascer do sol. Mudando a perspectiva sempre que podia do local ou simplesmente do olhar. Em cada dia tirei uma foto, em cada dia meditava sobre o que iria aprender e […]

cov-criar-outra-vida-frontCOV – Criar Outra Vida
2010 ║ 18 horas ▒

Este é um seminário intenso com o Luís Martins Simões, em que somos convidados a um encontro directo com a sombra, as nossas raízes e tudo aquilo que insistimos em rejeitar. Vamos assim em busca da essência que nos permite criar […]

capa templo taoista 2009Templo Taoista – O Início
2009 ║ 1800 horas ▒

Aos 29 anos visto fato e gravata, trabalhando para uma multinacional de consultadoria. Se no primeiro mês encaro como uma experiência curiosa, nos seguintes começo a sentir como uma abominação ou perversão da minha natureza. Estou a consumir-me em algo que não me faz vibrar, numa empresa que […]

capa-culinariaCurso de Culinária Macrobiótica
2007 ║ 122 horas ▒

Comecei a cozinhar aos 10 anos, preparava o meu almoço e de vez em quando fazia uns bolos de iogurte. Testava variações e percebia como aumentar a humidade, fazê-lo crescer e toda a arte da alquimia na cozinha. Ainda hoje adoro. É […]

capa-macroCurso de Macrobiótica
2007 ║ 400 horas ▒

Este será dos cursos mais transformadores que realizei até hoje. Consigo observar claramente alguns dos benefícios que tem vindo a proporcionar-me em diferentes dimensões. Afectando-me tanto a nível individual como familiar. Realizei o nível I em 2007, o nível II em 2008 e […]

capa-afonsinhoCD-Rom Afonsinho
2006 ║ 2200 horas ▒

História da Formação de Portugal Programa interactivo com ensino da história através de animações. Este foi o projecto final que entreguei no fim da licenciatura em engenharia informática. Posteriormente continuei a desenvolver o programa até à versão actual. Tomou-me cerca de um ano […]